Brasinha 35 Anos
  • (51) 3341.4235
  • (51) 98906.7671
  • ligamos para você

Notícias

Carro novo vs. seminovo: saiba qual escolher

Compra-de-carro-usado-seminovo-ou-zero-km

Conforto, mobilidade e praticidade: são inegáveis os benefícios que um carro pode trazer para a sua vida. Não é a toa que ele está entre os 3 maiores sonhos de consumo do brasileiro, segundo pesquisa do SPC Brasil.

Entretanto, sempre que uma pessoa começa a se planejar para realizar essa compra, ela esbarra na mesma dúvida: carro novo ou seminovo, qual vale mais a pena?

Para conseguir responder a essa pergunta é necessário levar em consideração alguns fatores. Confira abaixo quais são!

1. Valor
Ao se discutir valores de carros novos e seminovos, a resposta sobre qual tipo apresenta a melhor competitividade já está praticamente dada. É óbvio que um carro seminovo apresentará um valor mais baixo do que um novo — o que o torna, em um primeiro momento, uma opção mais atrativa.

Muitas vezes com o mesmo valor que você usaria para comprar um carro zero você consegue adquirir outro veículo em um modelo seminovo superior e com mais acessórios e funcionalidades.

Você sabe por que há essa diferença tão grande entre o valor de um e de outro? Principalmente por uma coisa chamada depreciação, que é o tema do nosso próximo tópico.

2. Depreciação
O termo “depreciação” está ligado à quanto um bem ou produto decai de valor de mercado com o tempo. Esse é um tema que sempre aparece quando se discute a compra de carros, visto que ele influencia bastante na decisão do comprador.

Para se ter uma ideia, o valor de um veículo zero cai entre 10% e 20% no momento em que ele sai da concessionária. Isso acontece pela maior insegurança que se tem ao comprar um carro seminovo, já que você não sabe ao certo qual é o histórico desse carro e o motivo da venda.

Por outro lado, os seminovos quase não possuem esse problema de queda de preço, já que geralmente passaram pelo período de maior depreciação do veículo, que é por volta dos seus 3 primeiros anos.

Olhando somente pelo viés dos custos, os seminovos são uma opção mais atrativa, mas é preciso considerar outros fatores na hora de tomar essa decisão.

3. Segurança
Como já foi dito acima, comprar um carro zero é certamente muito mais seguro do que adquirir um usado. Um carro novo, de fábrica, dificilmente apresentará problemas nos primeiros anos de uso — além disso eles sempre contam com a garantia das concessionárias.

No entanto, a compra de seminovos já não funciona dessa maneira. Não há garantias de que tudo que se descreve sobre o carro é verdade. Muitas pessoas só descobrem com o tempo que o carro tinha um defeito não avisado ou que alguma peça não é original, por exemplo.

Por isso é sempre muito importante analisar bastante na hora de comprar o seu seminovo. Faça sempre um test drive e leve um mecânico de confiança para verificar o estado do veículo. Se possível, não realize esse tipo de compra diretamente com o proprietário, mas em concessionárias. Assim você reduz as chances de problemas futuros.

4. Desejo pessoal
Mesmo considerando os outros critérios, não se pode esquecer de levar em conta o fator emocional. Se sentir aquele cheirinho de novo e ser o primeiro a usar o seu carro é o seu sonho, então não deixe de colocar isso em pauta.

A verdade é que não há certo e errado na hora de escolher entre comprar um carro novo ou seminovo. O importante é ter consciência financeira na hora de tomar essa decisão. Assim você poderá aliar os seus desejos à sua realidade econômica.

Curtiu as dicas? Está pensando em adquirir um carro novo ou seminovo? Então entre em contato conosco! Certamente podemos auxiliá-lo nesse processo de decisão!

Fonte: Minas France

Dúvidas? Entre em contato conosco: (51) 3341-4235